terça-feira, 19 de abril de 2016

Design na rota da cultura


Pé na estrada é a marca do Estúdio Sérgio J. Matos para nutrir o design com identidade.

O traço segue os vestígios da cultura. Envereda pela regionalidade e celebra as manifestações populares no chão de terra batida. Transita entre estandartes e bandeirolas coloridas que se agitam ao vento anunciando ritos e tradições que narram a formação social brasileira. O desenho esbarra na estética que transborda identidade, onde a miscigenação expõe a mistura de raças e costumes que só a brasilidade contém. Esboça formas elaboradas no fazer artesanal que exaltam a exclusividade gerada no calor das mãos.

Essa é a rota do design adotada pelo Studio Sérgio J. Matos. Desde que abrimos as portas à criação – em novembro de 2010 – colocamos os pés na estrada para viver experiências de um Brasil multicultural que tem muito mais a revelar além dos livros e dos cartões postais. Lançamos o olhar para o entorno - que de tão próximo torna-se invisível – e para horizontes longínquos incrustrados entre lendas e tradições de sua gente. Acumulamos assim um punhado de memórias. São paisagens, rastros da fauna, cores e texturas da flora, festas de rua, burburinhos, geografias habitadas por personagens empenhados em manter vivos os saberes e ofícios herdados dos antepassados. Artesãos de habilidades ímpares.

Todos estes elementos e referências constituem nossa bagagem. Fazem parte de um arquivo que inspira o desenvolvimento de produtos com densidade simbólica e assinatura do feito à mão. Cada poltrona, mesa, cadeira, banco, luminária, fruteira e vaso que integra nosso catálogo traduz a carga identitária da brasilidade descoberta em um momento de emoção e encantamento. Objetos que carregam laços de pertencimento, extratos regionais e conexões do passado com o presente. Design com valor patrimonial. 

[ English Text ]


Design at the Culture route
The line follows the traces of culture. Leans towards regionality and celebrates the popular demonstrations in the dirt floor. It goes between colored banners and pennants that flutter in the wind announcing the­ rites and traditions that narrate the Brazilian social formation. Design touches on the aesthetic overflowing identity, where miscegenation exposes the mixture of races and customs that contains only Brazilianness. Outlines ways to elaborate on handmade extolling the uniqueness generated in the heat of the hands.
This is the route adopted by Sergio J. Matos Studio. Since we opened the door for creation - in November of 2010 - we put our feet on the road, to live experiences of a multicultural Brazil, which has much to prove beyond books and postcards. We launched a look at the surroundings - that if so close, it becomes invisible - and far horizons encrusted between legends and traditions of its people. This way, we accumulated a handful of memories. There are landscapes, wildlife trails, colors and textures of the flora, street parties, rumbles, geographies inhabited by characters committed to keeping alive the knowledge and inherited crafts ancestors. Craftsmen with unique skills.

All these elements and references are our experience. They are part of a file that inspires the development of products with symbolic density and handmade signature. Every chair, table, bench, lamp, fruit bowl and vase, included in our catalog reflects the identity load of Brazilianness discovered in a moment of excitement and enchantment.
Poltrona Acaú: a inspiração vem do mar, dos corais da Praia de Acaú, no litoral paraibano.
O floral da chita dá forma à Luminária Moringa.
A trama artesanal da Poltrona Caçuá celebra tradições, remete à regionalidade.
Banco Afoxê: design que ressoa a festejos de rua e ritos de fé.
A Cadeira Chita guarda memórias dos festejos forrados com o tecido popular.
Colheres de pau são a matéria-prima do Balanço Bodocongó.
A atmosfera dos festejos juninos abriga a criação da Poltrona Balão.
Banco Xique-xique:a natureza árida é terreno fértil para o design que traduz regionalidade. 
O inseto de porte elegante - presente nos tabuleiros do Nordeste - inspira design.

Nenhum comentário:

Postar um comentário